Recaída compreensão da ansiedade

Todos nós em algum momento de nossas vidas sofremos com a ansiedade, a vida agitada e cheia de compromissos é um estimulante para que ela se manifeste. Por isso todos nós precisamos buscar formas de solucionar nossos problemas, aprender a lidar com os imprevistos e contratempos que nos afligem.

Recaída compreensão da ansiedade

A ajuda médica especializada é melhor e mais indicada a ser procurada. Durante o acompanhamento e tratamento a pessoa pode ter algumas recaídas, isso é normal, porém deve ser discutido com o profissional para que que façam um controle e evitem que elas aconteçam.

Primeiramente é preciso levar em consideração o tipo de tratamento que está sendo feito para que a prevenção das recaídas tenha algum sucesso. Esse primeiro passo é o mais importante de todo o processo.

A terapia farmacológica consiste na ingestão de comprimidos combinados a intervenções psicológicas regulares para diminuir os efeitos da ansiedade excessiva. Quando a pessoa está fazendo uso de algum tipo de psicotrópico a prevenção da recaída pode ser que seja mais complicada e difícil.

É preciso conversar com o profissional para saber todas as possibilidades e recursos oferecidos para obter o controle emocional e assim conseguir colocar em pratica em situações em que nosso equilibro esteja comprometido. Ao invés de usar medicamentos aplicar métodos para controlar a ansiedade é o mais recomendado.

É importante frisar que, a intervenção psicológica é o mais aconselhável na prevenção de recaídas, mas ainda é preciso esforço, força de vontade e compreensão por parte de terceiros.

Durante o tratamento e com a terapia a pessoa passa a seguir uma corrente cognitiva-comportamental, que nada mais é do que uma ferramenta para ajudar a pessoa a administrar seus pensamentos e emoções. Mas é fundamental destacar que, assim como qualquer habilidade que aprendemos ao longo de nossa vida, é preciso praticar regularmente para se obter êxito.

 

  • Quando você para de aplicar uma estratégia de controle emocional, se torna mais difícil utiliza-la quando precisar.

Recaída compreensão da ansiedade

Para manter-se longe das recaídas é preciso manter as mudanças conquistadas na terapia, o trabalho de manutenção fora da sala do psicólogo é constante, deve ser levado para o dia a dia. Lembre-se que a sua saúde emocional depende apenas de você!

Compreender que as recaídas são algo normal durante o processo de tratamento é fundamental. Não se deixe abater, não fique desmotivado ou desiludido achando que o tratamento ou terapia não está dando certo.

Foque na sua melhora e no seu aprendizado para mudança, as coisas não acontecem de um dia para o outro, é preciso tempo e paciência.

Converse com seus familiares sobre as recaídas, se for preciso peça orientação ao seu psicólogo para saber como abordar o assunto. Eles precisam entender que as recaídas vão acontecer em algum momento, mas que isso faz parte do processo de melhoria da ansiedade.

Aos poucos você irá aprender que é possível identificar as situações potencialmente geradoras de ansiedade e lidar com elas. Você é capaz, lembre-se disso.

Encarar os desafios de frente e não achar que eles são uma ameaça é algo que todos nós independente de sofrer de ansiedade precisamos aprender a lidar.

Voltar ao psicólogo ou regredir um pouco no tratamento não é vergonha ou problema, encare esse fato como um reforço que você necessita para aprender a lidar com a ansiedade, afinal não aprendemos tudo de primeira não é verdade?

Texto de Claudinei Demez,

http://psicanaliseonline.net.br/

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *