MENSAGENS DE CLARICE LISPECTOR

Mensagens de Clarice Lispector. Pensamentos e frases curtas de Clarice Lispector. Encontre aqui as mensagens de Clarice Lispector para ler e compartilhar!

 

Clarice Lispector, escritora e jornalista, nasceu na Ucrânia e naturalizou-se brasileira, foi considerada uma das escritoras mais importantes do século XX.

Entre suas obras encontram-se romances, contos e ensaios, que são repletos de características cotidianas e tramas psicológicas e encantam jovens e adultos.

 

“Eu sou uma eterna apaixonada por palavras, música e pessoas inteiras.

Não me importa seu sobrenome, onde você nasceu, quanto carrega no bolso.

Pessoas vazias são chatas e me dão sono.” (Clarice Lispector)

 

“Sabe o que eu quero de verdade?

Jamais perder a sensibilidade, mesmo que às vezes ela arranhe um pouco a alma.

Porque sem ela não poderia sentir a mim mesma…” (Clarice Lispector)

 

“Essa conversa de que a pessoa só da valor quando perde não é verdadeira.

Cada um sabe exatamente o que tem ao seu lado.

O problema é ninguém acredita que um dia vai perder.” (Clarice Lispector)

 

“Deixo-te livre para sentir minha falta.

Se é que faço falta.

Tens meu número…

…na verdade…

…meu coração,

Então se sentir vontade de falar comigo…

…me procura você.” (Clarice Lispector)

 

“Às vezes eu tenho vontade ser menos intensa.

Só pra poder entender como o resto do mundo aguenta essas coisas que me devoram permanentemente e de uma forma tão absurda…” (Clarice Lispector)

 

clarice-lispector

 

“Que minha solidão me sirva de companhia.

Que eu tenha a coragem de me enfrentar.

Que eu saiba ficar com o nada…

…e mesmo assim…

me sentir como se estivesse plena de tudo.” (Clarice Lispector)

 

“Sou companhia, mas posso ser solidão.

Tranquilidade e inconstância.

Pedra e coração.

Sou abraços, sorrisos, ânimo, bom humor, sarcasmo, preguiça e sono.

Música alta e silêncio.” (Clarice Lispector)

 

“Eu peço a Deus tudo o que eu quero e preciso.

É o que me cabe.

Eu não tenho o poder.

Tenho a prece.” (Clarice Lispector)

 

“Mas não sou completa, não.

Completa lembra realizada.

Realizada é acabada.

Acabada é o que não se renova a cada instante da vida e do mundo.

Eu vivo me completando…

…falta um bocado.” (Clarice Lispector)

 

“Eu sou uma eterna apaixonada por palavras, música e pessoas inteiras.

Não me importa seu sobrenome, onde você nasceu, quanto carrega no bolso.

Pessoas vazias são chatas e me dão sono.” (Clarice Lispector)

 

“Sabe o que eu quero de verdade?

Jamais perder a sensibilidade.

Mesmo que às vezes ela arranhe um pouco a alma.

Porque sem ela não poderia sentir a mim mesma.” (Clarice Lispector)

 

“Desculpa, mas não entendo.

Eu quero tudo e mais ainda.

Amor tem que encher o coração, a casa, a alma.

Pouco ou metades nunca me completaram.” (Clarice Lispector)

 

“Não me mostre o que esperam de mim.

Porque vou seguir meu coração.

Não me façam ser o que não sou.

Não me convidem a ser igual…

…porque sinceramente sou diferente.” (Clarice Lispector)

 

“Não me lembro mais qual foi nosso começo.

Sei que não começamos pelo começo.

Já era amor antes de ser.” (Clarice Lispector)

 

“Ignore.

Supere.

Esqueça.

Mas jamais…pense em desistir de você por causa de alguém.” (Clarice Lispector)

 

“Sou composta por urgências:

…minhas alegrias são intensas…

…minhas tristezas, absolutas.

Me entupo de ausências…

…me esvazio de excessos.

Eu não caibo no estreito, eu só vivo nos extremos.” (Clarice Lispector)

 

“Sinto saudades…

…de quem não me despedi direito…

…das coisas que deixei passar…

…de quem não tive, mas quis muito ter.” (Clarice Lispector)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *