Entenda porque a droga Krokodil é tão perigosa!

Krokodil

Krokodil é uma droga que está causando grande polêmica devido aos seus efeitos colaterais bizarros. Saiba porque a droga Krokodil é tão perigosa! Leia mais de Entenda porque a droga Krokodil é tão perigosa!

Share

Krokodil – A droga destruidora!

Krokodil

Uma droga barata e altamente viciante, que apodrece a carne deixando os ossos do corpo expostos. Saiba mais sobre Krokodil, a droga que vem destruindo muitas pessoas! Leia mais de Krokodil – A droga destruidora!

Share

Sintomas de recaída da dependência química – Fases da recaída

sinais da dependência química

Central de Atendimento Nacional – Clinica de Desintoxicação Watsapp:(11)94797-6909

A dependência química é uma doença crônica, não tem cura, e deve-se tomar certos cuidados para evitar recaídas. Conheça as fases da recaída da dependência química!

Leia mais de Sintomas de recaída da dependência química – Fases da recaída

Share

Metadona – Desintoxicação de heroína e morfina

álcool e drogas

A Metadona é um medicamento utilizado no tratamento e desintoxicação da heroína e morfina. Conheça a Metadona e o tratamento para parar de usar heroína e morfina! Leia mais de Metadona – Desintoxicação de heroína e morfina

Share

Buprenorfina – Desintoxicação da morfina e heroína

Drogas Injetáveis

A Buprenorfina, derivada da morfina, é utilizada no tratamento e na desintoxicação da morfina e da heroína. Conheça a Buprenorfina!

Leia mais de Buprenorfina – Desintoxicação da morfina e heroína

Share

Morfina, como a droga age no organismo – SOS Sobriedade

A morfina é um fármaco narcótico com ação analgésica usado para aliviar as dores. Esta substância pertence à família dos opióides e pode causar dependência devido aos efeitos de euforia e bem-estar. Veja como a morfina age no organismo!

Desomorfina, como a droga age no organismo

 

Morfina, como a droga age no organismoA morfina é a primeira droga derivada do ópio e no início de sua distribuição serviu para o tratamento do alcoolismo e consumo de ópio. Mais tarde verificou-se que a droga não proporcionava bons resultados para estes tipos de tratamentos, mas causava mais uma dependência ainda mais forte.

A morfina pode causar dependência tanto psíquica quanto física, como qualquer outra droga, onde os dependentes precisam usar doses cada vez maiores para poder chegar ao ápice.

Os efeitos clinicamente úteis da morfina

  • Analgésica central com supressão nas dores físicas e emocionais;
  • Anestesia para sedação;
  • Co-adjuvante nos anestésicos gasosos, quando principal;
  • Tratamentos de dores crônicas, e pós-operativa;
  • Alivia dores agudas fortes.

Esta substância pode ser ministrada de várias formas, podendo ser via oral, intramuscular, subcutânea, intravenosa, epidural, intranasal ou transdérmica, sendo que estas três últimas, são as menos utilizadas.

Os efeitos da morfina duram de 4 a 6 horas dentre os quais podemos citar:


  • Alívio da dor e da ansiedade;
  • Diminuição do sentimento de desconfiança;
  • Euforia;
  • Tranqüilidade, sensação de bem-estar;
  • Letargia, sonolência, depressão;
  • Impotência;
  • Incapacidade de concentração;
  • Obstipação (prisão de ventre);
  • Paralisia do estômago (sensação de saciedade);
  • Amenorréia (ausência de menstruação);
  • Contração da pupila;

Os efeitos colaterais da morfina

  • Euforia pode conduzir à dependência;
  • Sedação;
  • Miose: constrição da pupila do olho;
  • Depressão respiratória: em overdose constitui a principal causa de morte. Há alguma diminuição da respiração mesmo em doses terapêuticas;
  • Supressão da tosse pode ser perigosa se houver infecções pulmonares;
  • Rigidez muscular;
  • Vasodilatação com calores na pele;
  • Prurido cutâneo;
  • Ansiedade, alucinações, pesadelos;
  • Vômitos;


O uso da morfina também pode levar o usuário ao coma, com perda de consciência, fraca oxigenação no sangue, queda da pressão arterial, que se não for socorrido rapidamente pode levar a morte.

    Veja:

    Krokodil, como a droga age no organismo

    Desomorfina, como a droga age no organismo

    Codeína, como a droga age no organismo

    por Rodrigo Longo

    Tweet


    Veja Também!

    1. Anabolizantes- Tipos de drogas

    2. Clembuterol

    3. Deposteron – Esteroide anabolizante

    4. Como parar de usar cocaína?

    5. Maconha na gravidez

    Fonte:
    http://www.infoescola.com/drogas/morfina/
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Morfina

    Share

    Krokodil, como a droga age no organismo – SOS Sobriedade

    Krokodil é uma droga criada na Rússia fabricada a partir da desomorfina. A droga mais pesada que já inventaram e que leva a morte em pouco tempo. Veja como a droga age no organismo!

    Krokodil, como a droga age no organismo

    Krokodil, como a droga age no organismoO nome “Krokodil” vem de uma das consequências mais comuns ao uso, uma vez que a pele da pessoa passa a ter um tom esverdeado e cheia de escamas, como a de um crocodilo.

    O Krokodil veio para substituir a heroína e seu princípio ativo é a desomorfina, como substituto da morfina. A desomorfina é de 8 a 10 vezes mais potente do que a morfina. Trata-se de um opiáceo que possui estrutura quase idêntica à da heroína.

    Veja:

    Desomorfina, como a droga age no organismo

    Morfina, como a droga age no organismo

    Codeína, como a droga age no organismo

    Seus efeitos colaterais são bizarros. Ela causa a necrose, que é a morte dos tecidos vivos do corpo, ou seja, a carne apodrece no local onde é aplicada, expondo ossos e músculos. Casos de viciados precisando de amputação ou da limpeza de grandes áreas apodrecidas em seus corpos são cada vez mais comuns.

    Largá-la é uma tarefa extremamente difícil. A desintoxicação é muito lenta e o usuário sente náuseas e dores por até um mês.

    Krokodil, como a droga age no organismo


    Os tipos de produtos químicos utilizados pelos fabricantes


    Os produtos utilizados para fazer a droga são os piores e mais destrutivos que existem, como o ácido clorídrico, tíner, gasolina, fósforo.
    A droga possui algumas propriedades da metanfetamina e é quimicamente similar à morfina e é mais potente que a heroína.

    Pode conter também comprimidos triturados de codeína, iodo e fluídos mais leves. A codeína, um narcótico que pode ser encontrado em farmácias e vendido sob prescrição médica, pode ser transformado em desomorfina em um laboratório caseiro através de simples reações químicas, ficando pronta para o uso.

    Krokodil, como a droga age no organismo

    Como a Krokodil age no organismo

    A presença destes produtos químicos também torna o organismo mais propenso à infecção. A droga pode matar em apenas 2 anos.

    Os efeitos imediatos incluem cicatrizes visíveis na pele e a longo prazo são muito piores.

    Em registros chocantes, viciados na droga aparecem com partes de seus corpos em carne viva, com os ossos expostos. 

    Essa substância é lançada diretamente na corrente intravenosa, em geral no braço, desencadeando a reação grotesca, e a eventual destruição das camadas de epiderme. Uma vez que a área no entorno da injeção é danificada, ela se torna propensa a desenvolver gangrena, o que leva a necrose em toda área da perfuração, descamação progressiva e consequente desintegração do tecido.

    por Rodrigo Longo

    Tweet

    Veja Também!

    1. Anabolizantes- Tipos de drogas

    2. Clembuterol

    3. Deposteron – Esteroide anabolizante

    4. Como parar de usar cocaína?

    5. Maconha na gravidez

    Fonte:
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Desomorfina
    http://jornalggn.com.br/noticia/os-efeitos-do-krokodil-droga-utilizada-na-russia
    http://info.abril.com.br/noticias/ciencia/2013/10/droga-superpoderosa-krokodil-e-registrado-em-site-americano.shtml?utm_source=redesabril_info&utm_medium=plus&utm_campaign=redesabril_info
    http://mundotentacular.blogspot.com.br/2013/10/krokodil-droga-que-come-pele-das.html

    Share

    Codeína, como a droga age no organismo – SOS Sobriedade

    A codeína é uma droga da família dos opióides que é usada no tratamento da dor e no combate a tosse. Sua potência é menor que a morfina e utiliza-se também da combinação com outros analgésicos. Saiba como a codeína age no organismo!

    Codeína, como a droga age no organismo

     

    Esta substância derivada do ópio atua como depressora do sistema nervoso central e é usada tanto para fins medicinais, mas indevidamente usada na fabricação de drogas altamente destrutivas, como a Krokodil, que pode mantar em 2 anos, além de definhar a pessoa em pouco tempo.

    Os efeitos da codeína no organismo


    Codeína, como a droga age no organismoA Codeína tem efeitos similares aos efeitos comuns dos opiáceos (morfina), só que em menor intensidade.

    A droga funciona como analgésico, induz o sono, diminui os batimentos cardíacos, a pressão sanguínea e a respiração. Os efeitos colaterais do uso da codeína são má digestão (sensação), prisão de ventre e dilatação das pupilas.

    Outro perigo da codeína é a sua utilização em doses maiores que a recomendada, cujo sintomas são a apatia, batimentos cardíacos lentos, pressão sanguínea baixa, respiração fraca, pele fria e meia azulada.

    A superdosagem de codeína pode causar intoxicação e levar ao coma e a morte.

      Veja:

      Krokodil, como a droga age no organismo

      Desomorfina, como a droga age no organismo

      Morfina, como a droga age no organismo

      por Rodrigo Longo

      Tweet

      Veja Também!

      1. Anabolizantes- Tipos de drogas

      2. Clembuterol

      3. Deposteron – Esteroide anabolizante

      4. Como parar de usar cocaína?

      5. Maconha na gravidez

      Fonte:
      http://pt.wikipedia.org/wiki/Code%C3%ADna
      http://www.infoescola.com/drogas/codeina/

      Share

      Desomorfina, como a droga age no organismo – SOS sobriedade

      Desomorfina também chamada de Krokodil é um opiáceo inventado no ano de 1932 nos Estados Unidos que é um derivado da morfina, e possui estrutura quase idêntica a da heroína. Tem efeitos sedativos e analgésicos, e é de 8 a 10 vezes mais potente que a morfina. Veja como a desomorfina age no organismo!

      Desomorfina, como a droga age no organismo


      Os efeitos da desomorfina no organismo

      Desoformina é uma droga tão forte que destrói o tecido orgânico deixando apenas os ossos do usuário. Estas pessoas tornam-se praticamente zumbis, com uma aparência de causar espanto.

      A substância altamente viciante é usada há muitos anos na Rússia e já levou centenas de pessoas a óbito.

      Desomorfina, como a droga age no organismo

      Em termos da força de impacto sobre o corpo, este composto, a desomorfina, supera significativamente a codeína e ainda é 10 vezes mais forte que a morfina.Por tal fato amostras periciais e biológicas que contenham compostos de desomorfina foram estudados por cromatografia gasosa, cromatografia gasosa–espectrometria de massa e cromatografia líquida de alto desempenho. Alguns análogos sintéticos da desomorfina foram identificados, e os seus parâmetros cromatográficos e de espectros de massa foram descritos.

      Casos de sintomas de abstinência de narcóticos sintéticos deste tipo têm ocorrido em muitas regiões da Rússia e a desomorfina ainda está incluída na “Lista de Narcóticos, Substâncias Psicotrópicas e seus precursores; assunto de Controle na Federação Russa”.


      Veja:

      Krokodil, como a droga age no organismo

      Morfina, como a droga age no organismo

      Codeína, como a droga age no organismo

      por Rodrigo Longo

      Tweet

      Veja Também!

      1. Anabolizantes- Tipos de drogas

      2. Clembuterol

      3. Deposteron – Esteroide anabolizante

      4. Como parar de usar cocaína?

      5. Maconha na gravidez

      Fonte:
      http://www.sonhossignificado.net/sonhar/desomorfina
      http://pt.wikipedia.org/wiki/Desomorfina
      http://drogasrecreativas.wordpress.com/tag/desomorfina/
      http://www.oswaldocruz.br/painel/painel.asp?id_painel=351

      Share

      Heroína – Efeitos

      A heroína é uma droga da família dos opióides e é uma substância depressora do Sistema Nervoso Central. Seus efeitos podem ser devastadores e causar um alto nível de dependência. Veja quais são os efeitos da heroína e suas consequências!

      Heroína

      Efeitos

      No início a heroína causa uma sensação de imenso prazer, bem-estar e euforia, além de diminuir a dor, fome e desejo sexual. A respiração e os batimentos cardíacos aumentam à medida que a dose aumenta. Conforme o usuário aumenta as doses, começa a ter náuseas, vômitos e coceira.
      heroina efeitos
      A longo prazo, o dependente de heroína pode gastar a maior parte do seu tempo e energia usando ou tentando conseguir a droga, e isso torna-se cada vez mais a prioridade de sua vida. A tolerância orgânica pela droga aumenta gradativamente, ou seja, o dependente precisa usar maior quantidade da droga para obter o mesmo efeito.
      heroina efeitos  
      Quando a dependência se instala o usuário começa necessitar cada vez mais da droga, e quando interrompe o uso surgem os sintomas de abstinência como a diarreia, náuseas, vômitos, câimbras, dor muscular e óssea, lacrimejamento, perda de apetite, secreção nasal, tremores, pânicoinsônia, desânimo, agitação e transpiração.
       

      Efeitos Depressivos

      Sintomas analgésicos (diminuição da dor)

      Efeitos sedativos e sonolência

      Depressão respiratória e aumento de pressão intracraniana

      Redução das exigências de oxigênio do miocárdio

      Supressão da tosse, anti-tussico

      Redução dos movimentos peristálticos

      Inibição do fluido e da acumulação de electrólitos no lúmen intestinal

      Redução da secreção de ácido gástrico

      Inibição do centro emético

      Pequena redução da temperatura corporal

      Redução da libertação de hormona lutienizante (LH) e hormona foliculo-estimulantes (FSH)

      Sintomas Estimulantes

      Euforia

      Constrição das pupilas, miose

      Estimulação da zona quimioreceptora

      Aumento do tonus do musculo liso intestinal

      Aumento do tonus do esfíncter de Oddi, aumento da pressão biliar

      Aumento do tonus do musculo detrusor

      Aumento do tonus do esfíncter vesical

      Aumento da libertação de prolactina e hormona antidiurética

      Proconvulsionante em overdoses

      Problemas causados pela heroína

      Os usuários de heroína injetável correm o risco de contraírem HIV, Hepatite B e Hepatite C ao compartilharem seringas ou agulhas. O uso crônico da heroína pode causar o colapso dos vasos sanguíneos, infecções diversas, doenças do fígado e rins, pneumonias e tuberculose.
      Além das doenças e debilitações físicas, o dependente de heroína pode ter problemas sociais, familiares e profissionais, além de perder a motivação pela vida.

      Tweetar

      Veja:

      Heroína – O que é?

      Veja também!

      Quanto tempo a cocaína demora para sair do sangue?

      Cocaína – Efeitos

      Sintomas de depressão – Conheça 9 Sintomas e faça o teste de tristeza ou depressão!

      Álcool e drogas – Sintomas observados no dependente químico

      Dependência emocional – Muletas psicológicas

      Dados do artigo:

      Heroína
      Sintomas e efeitos da Heroína

      Saiba mais sobre os efeitos da heroína, suas consequências e doenças causadas pela droga!

      Fontes:
      http://www.ff.up.pt/toxicologia/monografias/ano0405/heroina/efeitos.htm
      http://psicoativas.ufcspa.edu.br/heroina.html

      Share

      Droga Heroína

      A heroína é uma droga derivada da papoula e pertence a família dos opióides. É uma das drogas mais devastadoras que existe e o grau de dependência que ela causa é muito alto. Saiba mais sobre a heroína!

      Droga Heroína

      A heroína é uma substância depressora do Sistema Nervoso Central e é capaz de alterar as sensações de prazer e dor, além de afetar o funcionamento do organismo como um todo. O seu potencial de dependência é muito alta e rápido, com poucas doses a pessoa pode se tornar dependente.
      droga heroina (1)
      A droga pode ser inalada, injetada ou fumada e provoca sensação de intenso prazer, bem-estar, euforia, diminuição da dor, fome e desejo sexual (ver “Heroína – Efeitos”). Altas doses da droga podem causar náuseas, vômitos e coceira.
      O usuário de heroína desenvolve tolerância muito rápida pela droga, levando-o a consumir cada vez mais para obter o mesmo efeito, além de diminuir os sintomas de abstinência. A droga passa a ser o foco principal da vida do dependente que busca o tempo todo consumir a droga. Com isso todas as áreas da vida da pessoa são comprometidas, como a vida social, familiar, profissional, financeira entre outras. Além disso, o uso injetável da heroína aumenta os risco de contrair doenças como HIV, Hepatite B e Hepatite C, pneumonia, tuberculose, complicações do fígado e rins.

      Sintomas de overdose por heroína

      Os sintomas de overdose por heroína incluem a diminuição da respiração, diminuição da temperatura do corpo, diminuição da pressão, pele azulada, pupila pequenas, convulsões, coma e posteriormente a morte.

      Tweetar

      Veja:

      Heroína – Efeitos

      Veja também!

      Cocaína – Efeitos

      Quanto tempo a cocaína demora para sair do sangue?

      Álcool e drogas – Sintomas observados no dependente químico

      O que é a dependência química?

      Drogas depressoras

      Dados do Artigo:

      Droga Heroína
      Tipos de drogas – Heroína

      Saiba mais sobre a heroína, o que é, efeitos e consequências, sintomas e riscos de overdose!

      Fontes:
      http://www.ff.up.pt/toxicologia/monografias/ano0405/heroina/efeitos.htm
      http://psicoativas.ufcspa.edu.br/heroina.html
      http://www.brasilescola.com/drogas/heroina.htm

      Share