10 dicas para vencer a abstinência de álcool, drogas e medicamentos!

alcoolismo
A suspensão do uso do álcool, drogas ou medicamentos provocam uma série de modificações no organismo podendo causar mal estar e outros sintomas de abstinência. Conheça 10 dicas para vencer a abstinência de álcool, drogas e medicamentos!

 

10 dicas para vencer a abstinência de álcool, drogas e medicamentos! É durante o primeiro período de abstinência, aparentemente interminável, que o dependente químico de álcool, drogas ou medicamentos começa a sofrer modificações no organismo e sofrer os sintomas de abstinência.
 
E o primeiro pensamento que vem na cabeça é: O que eu vou fazer agora?
 
Parece que a vida perde a graça quando tiramos aquilo que dependemos muito para nos sentirmos bem e aliviados. É o sentimento de vazio e insatisfação!
 
Assim, precisamos, aos poucos, desenvolver mudanças de hábitos, comportamentos e rotinas, de modo que possamos aprender a viver um estilo de vida diferente do qual estávamos acostumados a viver.
 
A seguir, apresentamos uma lista com 10 dicas que, no começo desta fase, pode ser muito útil, principalmente nesse período de abstinência. Esta lista inclui tipos de atividades que muitos de nós utilizamos para preencher nossas primeiras horas vazias. Pode acreditar que funciona!
 
Eis o que fazer:
 

1- Passear e fazer caminhadas

Passear e fazer caminhadas
Especialmente ir a novos lugares, em parques ou no campo. Calmamente, passeios tranquilos e não marchas cansativas. Evite ambientes e situações de risco, onde há bebidas alcoólicas e companheiros de uso.
 
 
 
 
 

2 – Ler

 
LerEmbora alguns ficassem bastante nervosos ao ler alguma coisa que exigisse concentração, ou mesmo aqueles que nunca tiveram o hábito da leitura, é importante que este hábito esteja presente nesta nova fase de mudanças.
 
 
 
 
 
 
 
 

3 – Fazer exercícios físicos

 
Fazer exercícios físicosNadar, jogar bola, fazer ginástica, academia, ioga, andar de bicicleta, corrida, entre outros esportes e atividades físicas, são fundamentais na recuperação e na superação da fase da abstinência. É importante respeitar os limites do corpo e procurar um médico para recomendar adequadamente a prática de algum esporte.
 
 
 
 
 

4 – Começar um trabalho há muito tempo negligenciado

 
Limpar uma gaveta da escrivaninha, arrumar os papéis, arrumar o quarto ou fazer qualquer coisa que está sendo adiada há tempo.
 
Começar um trabalho há muito tempo negligenciadoÉ importante a moderação e que não queira organizar a sua vida tudo de uma vez. O imediatismo e a impaciência são características comuns no dependente, além da ansiedade, que aumenta na fase da abstinência. Assim, é normal que após a suspensão do uso se queira resolver todos os problemas de uma vez. Mas vá com calma!
 

5 – Experimentar um novo passatempo

 
Experimentar um novo passatempoUm entretenimento agradável, de lazer, no qual não temos necessidade de vencer ou de ser melhor, mas apenas para desfrutar de alguns momentos felizes e prazerosos de diversão.
 
Muitos de nós escolhemos passatempos com os quais jamais sonháramos antes, tais como jogos de cartas, aprender um instrumento musical ou cantar, praticar um esporte, assistir um filme no cinema ou ir ao teatro, cozinhar, cuidar de um jardim, fazer palavras cruzadas, algum tipo de artesanato, dançar…Enfim, qualquer coisa que ocupe o tempo e traga alegria para a nossa vida.
 

6 – Retornar um antigo passatempo

 
Retornar um antigo passatempo
Exceto aqueles passatempos relacionados a vida de uso de álcool e drogas, mas aqueles que gostávamos e que foram esquecidos devido ao uso de álcool e drogas.
 
 
 
 
 



7 – Fazer um curso

 
Fazer um cursoFazer algum curso, aprender algo novo, pode devolver o gosto pela vida e a motivação de buscar algo mais para a nossa vida, diminuindo assim a sensação de vazio e insatisfação.
 
É importante que os limites sejam respeitados, não indo muito além das capacidades. Não torne uma coisa inicialmente boa, num fardo. Vá com calma!



8 – Apresentar-se voluntariamente para algum serviço útil

 
Apresentar-se voluntariamente para algum serviço útil
Fazer caridade é uma maneira de preencher o nosso dia, mas também de poder ser útil, o que eleva a autoestima. Hospitais, creches, igrejas ou outras instituições e organizações precisam muito de voluntários. Além disso, é uma ótima oportunidade de podermos compensar os nossos erros do passado.
 
Quando ajudamos outras pessoas, a recompensa é uma sensação de paz de espírito e felicidade em poder ser útil, principalmente para as pessoas que mais necessitam, além de aprendermos a fazer outras coisas.
 

9 – Cuidar da boa aparência

Cuidar da boa aparência
Ter boa aparência não é ser bonito, mas manter uma boa higiene pessoal, como o cabelo cortado, banho tomado, roupas limpas e novas, barba feita, etc. Muitas vezes queríamos ter feito estas coisas há muito tempo, mas com o uso compulsivo de álcool e drogas não conseguíamos ao menos tomar banho.
 
 
 

10 – Experimentar alguma coisa frívola

 
Experimentar alguma coisa frívola
Nem tudo que fazemos tem que ser um esforço sério de autodesenvolvimento, embora tal esforço seja compensador e ofereça um estímulo à nossa autoestima. Muitos de nós achamos importante equilibrar fases sérias com algo que fazemos por puro prazer.
 
Por exemplo, não é gostoso ir ao cinema, ouvir uma música, dançar, ir à praia tomar banho de mar e um sol, jogar uma bola, assistir uma comédia e rir muito, etc? Não importante o que você goste, desde que te traga prazer, que seja saudável, e que não esteja relacionado com o uso de álcool e drogas, é válido.
A nossa vida é para ser alegre, então não se leve a sério demais! Sorria para a vida e ela sorrirá para você!
 
Aqui apresentamos algumas mudanças de hábitos, comportamentos e rotinas que vão ajudar você a superar a difícil tarefa de viver longe do álcool e das drogas, mas cabe a você descobrir novas maneiras de encontrar este prazer de viver, coisas que você se identifica e que gosta de fazer, mas que nunca mais fez por causa do álcool e das drogas.
Recomendamos algumas técnicas para transformar os maus hábitos e comportamentos negativos em hábitos e comportamentos positivos, e assim atingir o desenvolvimento pessoal e a qualidade de vida. Vale a pena!
Boa sobriedade!

10 Estratégias para uma vida mais produtiva!

 
Aprenda diversas técnicas para o seu desenvolvimento pessoal. Técnicas poderosas que o ajudarão e ter maior qualidade de vida, transformando maus hábitos em hábitos vencedores!
 
Seja mais inteligente, carismático, e aprenda a ser um profissional de sucesso e vencedor!
 
ü  Seja mais inteligente!
 
Aprenda diversas técnicas que o ajudarão a usufruir do máximo potencial do seu cérebro. 
ü  Seja mais carismático!
10 estratégias para uma vida mais produtiva!
Aprenda a comunicar de uma forma mais eficaz e a descobrir em tempo real aquilo que as outras pessoas estão pensando.
ü     Seja um vencedor!
 
Aprenda a vencer em todas as áreas da sua vida.



Estou certo que este livro se transformará no seu guia para alcançar uma vida com quallidade, mais produtiva e mais feliz!

.

Adquira agora!
Comprar!

Retome o controle da sua vida!

Retome o controle da sua vida!

Este guia foi escrito a partir das experiências de vida e serve para elevar a autoestima e a automotivação ajudando assim as pessoas a se desenvolver, alcançar seus objetivos e a compartilhar suas histórias.
 
Um guia pessoal de como se desenvolver em todas as áreas de sua vida deixando de ser um espectador dos acontecimentos e passando a ser o protagonista de sua história. Um guia para uma reflexão crítica de nossos problemas, comportamentos e atitudes com dicas de como superar as dificuldades e enxergar as coisas de um modo bem melhor e que lhe proporcione crescimento.
 
Na maioria das vezes o que a gente precisa para decolar na vida é se livrar da baixa autoestima, pensamentos negativos e práticas ruins. Este guia leva o leitor a uma reflexão sobre suas atitudes para que ele mesmo possa se avaliar e se livrar das correntes que o prendem na tristeza, insucesso e paralisação na vida.

Assista o vídeo de apresentação!

 

Capítulos: 

 
1) Sonhos
2) Atitude = Decisão + Ação
3) Não posso ajudar me prejudicando
4) Disciplina
5) Eu quero a minha mãe
6) Não perca a sua dignidade
7) Encarando as consequências de suas decisões
8) Visão
9) Eu sou o centro das minhas atenções (Cuide-se)
10) Humildade
11) Compartilhando o conhecimento
 
Este exemplar possui 29 páginas e está na sua versão 1.0.
Retome o controle da sua vida!

 



Para saber mais informações ou esclarecer dúvidas entre em contato conosco pelo e-mail: sossobriedade@gmail.com


Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *